Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
TESE DE DOUTORADO
 
Aguardando Data da Autorização para Disponibilizar o Arquivo com Texto Completo
Autora: Ballottin, Daniela Pott Marinho
Título: Caracterização de nanopartículas de prata e sua aplicação na produção de tecidos antimicrobianos
Ano: 2014
Orientadora: Profa. Dra. Ljubica Tasic
Co-Orientadora: Profa. Dra. Priscyla Daniely Marcato Gaspari
Departamento: Química Orgânica
Palavras-chave: Nano-partículas de prata biogênica, Fusarium oxysporum, Proteínas, Caracterização de proteínas, Atividade antimicrobiana
Resumo: Esta tese apresenta pela primeira vez a caracterização bioquímica e físico-química de proteínas associadas a nanopartículas de prata (AgNPs) produzidas biogênica e extracelularmente utilizando o fungo Fusarium oxysporum. As partículas obtidas foram caracterizadas por técnicas microscópicas, espectroscópicas e de espalhamento dinâmico de luz, as quais forneceram informações em relação a morfologia, topografia, tamanho, composição elementar, carga superficial e cristalinidade das partículas. A presença de proteínas estabilizadoras ao redor das partículas foi evidenciada por Espectroscopia no UVVis e Microscopia Eletrônica de Transmissão. Estas macromoleculas também foram estudas e caracterizadas por diferentes técnicas, tais como, fluorescência, dicroísmo circular, Espectrocopia no Infra-vermelho e Espectroscopia Raman. Além disso, foram realizadas análises de eletroforese em gel sendo possível estimar a massa molecular das proteínas que estabilizam as nanopartículas. As proteínas associadas as AgNPs foram identificadas por Espectrometria de Massas, a qual permitiu a obtenção de resultados promissores e inéditos, uma vez que não há na literatura nenhum relato sobre a identificação de proteínas envolvidas na síntese e/ou na estabilização destas partículas. A atividade antimicrobiana destas partículas apresentou resultados inéditos e importantes frente a uma bactéria patogênica, a Xanthomonas axonopodis pv. citri (Xac), causadora do cancro cítrico, doença com sérias consequências para citricultura brasileira. Além disso, foram estudadas também duas espécies de Candida sp. (C. albicans e C. parapsilosis (isolada pelo nosso grupo de pesquisa)), leveduras causadoras de infecções hospitalares. Nestes estudos foi verificada a alta atividade antimicrobiana das partículas através de uma atividade inibitória mínima (MIC) da ordem de mg mL-1. Cito- e genotoxicidade em diferentes organismos e células também foram investigadas, demonstrando que nas concentrações utilizadas neste trabalho, as AgNPs não apresentam efeito cito- ou genotóxico. São mostrados também resultados da impregnação das AgNPs em tecido de algodão, e a atividade antimicrobiana promissora deste material frente a Xac, C. albicans e C. parapsilosis.
Abstract: This thesis presents for the first time the biochemical and physical-chemical characterization of proteins associated with silver nanoparticles (AgNPs), whch were biogenic and extracellularly sinthesized using the Fusarium oxysporum fungus. The obtained particles were characterized by microscopic, spectroscopic and dynamic light scattering techniques, which provided information regarding the morphology, size, elemental composition, particle surface charge and cristallinity. The presence of surrounding proteins, which stabilize particles was evidenced by UV-Vis Spectroscopy and Transmission Electron Microscopy. These macromolecules have also been studied and characterized by different techniques, such as, fluorescence, circular dichroism, Raman Spectroscopy and Infrared Spectroscopy. Moreover, the electrophoresis analysis were performed and it was possible to estimate the molecular weight of proteins. Proteins were identified by Mass Spectrometry, which allowed to obtain novel and promising results since there are no reports on the identification of proteins involved in the synthesis and/or stabilization of AgNPs. The antimicrobial activity of these particles showed unprecedented and important results against a pathogenic bacterium, Xanthomonas axonopodis pv. citri (Xac) that causes citrus canker, a disease with serious consequences for the Brazilian citrus industry. Moreover, also two species of Candida sp were studied. (C. albicans and C. parapsilosis (isolated by our research group)), yeast that cause nosocomial infections. In these studies, it was observed the high antimicrobial activity of particles through the minimum inhibitory concentration (MIC) values (order of mg mL-1). Cyto- and genotoxicity in different organisms and cells have also been investigated, showing that at determined concentrations, AgNPs have no cyto- and genotoxic effects. Results of impregnation of AgNPs in cotton fabrics and its antimicrobial activity against C. albicans, C. parapsilosis and Xac was also confirmed.
Arquivo (Texto Completo):

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
2012-2014 BIQ