Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autora: Cruz, Maria Clara Pinto
Título: Estudo da Miscibilidade de Blendas de Polibutadieno/Poli(2-Vinilnaftaleno) por Espectroscopia de Luminescência
Ano: 1999
Orientadora: Profa. Dra. Teresa Dib Zambon Atvars
Departamento: Físico-Química
Palavras-chave: Excímero, Fluorescência, Imiscibilidade
Resumo: Neste trabalho se estudou a miscibilidade de blendas poliméricas de poli(2-vinilnaftaleno) (P2VN) e polibutadieno (BR) preparadas na forma de filme por evaporação da solução de diclorometano à temperatura ambiente e recozidas por 7h sob vácuo à 80 °C, nas seguintes composições em massa de P2VN: 5, 10, 50, 90 e 95%. Foram estudadas e caracterizadas amostras de diferentes tipos de BR e escolhido o BR com 36% de unidade 1,4 cis com 2 x 10 g.mol para compor a blenda. A aparência visual dos materiais preparados revelam amostras com separação de fases, sendo confirmada a imiscibilidade do sistema segundo a técnica de DSC, similar ao PS/BR. A morfologia destes materiais analisada por microscopia eletrônica de varredura mostrou amostras com domínios circulares, que puderam ser quimicamente caracterizados por meio da luminescência intrínseca do P2VN, através da técnica de microscopia ótica de fluorescência. Obteve-se os espectros de emissões da fase relacionada ao P2VN em diversas temperaturas e determinadas as intensidades de emissões do grupo naftila isolado (IM) e do excímero (ID), construídos gráficos de ID/IM em função da temperatura observando-se que apesar da separação de fases, ocorre uma perturbação na formação e desativação dos excímeros do P2VN pela presença da fase elastomérica devido a um acoplamento entre as fases.
Abstract: Excimer fluorescence from poly(2-vinylnaphatalene) (P2VN) was used to study the morphology of blend with polybutadiene (BR) prepared by solvent casting at 25 °C and annealing at 80 °c and concentrations 5, 10, 50, 90 and 95%. The phase separation of P2VN/BR can be observed by measuring the excimer to monomer emission intensity ratio ID/IM since the intermolecular excimer foming-site concentration is controlled by the extent of P2VN chain agregation. Differential scanning calorimetry (DSC), scanning electron microscopy (SEM) and fluorescence optical microscopy (FOM) are employed by comparison. DSC results show that the blends are immiscible .
Arquivo (Texto Completo): vtls000224299.pdf ( tamanho: 2,85MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ