Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autora: Baptistella, Lúcia Helena Brito
Título: Constituintes de Gnaphalium spathulatum L. e Análises Espectrais de Derivados
Ano: 1981
Orientadora: Profa. Dra. Eva Gonçalves Magalhães
Departamento: Química Orgânica
Palavras-chave: --
Resumo: Gnaphalium spathulatum L, família Compositae, é considerada uma planta invasora de culturas e ocorre em todo o Estado de São Paulo. Os extratos da parte aérea foram preparados e analisados através das técnicas cromatográficas comumente utilizadas para tal fim. Assim, pudemos detectar as seguintes classes de compostos: hidrocarbonetos, ésteres e ácidos graxos de cadeia longa, isoprenóides, esteróides, ácidos triterpênicos, açúcares livres, um polissacarídeo, sais inorgânicos e tereftalato de dimetila. Os hidrocarbonetos de cadeia longa não foram identificados. Os ésteres de cadeia longa foram analisados pelo emprego da técnica de CG/EM acoplada a um computador, indicando a presença de: n-tetradecanoato e palmitato de metila, laurato, miristato, n-pentadecanato, palmitatoe n-octadecanoato de etila, além de 3 outros compostos não identificados. Entre os ácidos graxos de cadeia longa, foram identificados os ácidos palmítico, esteárico, oleico e/ou linoleico através de cromatografia gás-líquido dos respectivos ésteres metílicos. Esqualeno, fitol e tereftalato de dimetila foram determinados através de seus dados espectrais. Os esteróides foram analisados por MIKES e somente b-sitosterol, estigmasterol e campesterol puderam ser identificados. Reações tais como metilação, acetilação e oxidação foram particularmente úteis para a elucidação estrutural precisa dos ácidos triterpênicos oleanólico e ursólico. Os açúcares livres foram identificados como glucose e frutose. Através da hidrólise ácida do polissacarídeo, foram separadas glucose, galactose e xilose. Os sais inorgânicos foram compostos predominantemente por nitrato de potássio. A segunda parte deste trabalho consta de estudos de RMNH, RMNC e espectrometria de massa de alguns derivados glutinanicos.
Abstract: Gnaphalium spathulatum L., Compositae, is considered to be a culture invasive and occurs all over the State of São Paulo. Extracts of the aerial parts of the plant were prepared and analysed by the currently used chromatographic techniques. We were able to detect the following classes of compounds: long chain hydrocarbons, long chain esters, long chain fatty acids, isoprenoids, steroids, triterpene acids, free sugars, a polysacharide, inorganic salts and dimethyl terephthalate. Long chain hydrocarbons were not identified. Long chain esters were analysed by means of CG/MS system coupled with a computer indicating the presence of: methyl n-tetradecanoate and pamitate, ethyl laurate, myristate, n-pentadecanoate, palmitate and n-octadecanoate, and three other compounds not identified. Long chain fatty acids were identified as palmitic, stearic, oleic and/or linoleic acids through gas chromatography of their corresponding methyl esters. Squalene, phytol and dimethyl terephthalate were identified through their spectral data. Steroids were analysed by MIKES and only b-sitosterol, stigmasterol and campesterol could be identified. Reactions such as methylation, acetylation and oxidation were particulary useful for the accurate identification of oleanolic and ursolic acids. Free sugars were identified as glucose and fructose. Acidic hydrolysis of the polisacharide yielded glucose and xylose. Inorganic salts are mainly composed by potassium nitrate. The second part of this thesis deals with HNMR, C NMR and mass spectra studies of some glutinane derivatives.
Arquivo (Texto Completo): vtls000048192.pdf ( tamanho: 11,7MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
2012-2014 BIQ