Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autor: Eiras, Sebastião de Paula
Título: Extração Líquido-Líquido por Fase Única de Cr(III) e Mn(II) e Influência de Trietanolamina na Extração. Sistema Água-Etanol-Metilisobutilcetona e Tenoiltrifluoroacetona
Ano: 1982
Orientador: Prof. Dr. Walter Martins
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: --
Resumo: Extrações por fase única foram efetuadas no sistema água-etanol-metilísobutilcetona (4:15:10, v/v respectivamente) com tenoiltrifluoroacetona (TTA) como quelante, recorrendo ao fenômeno da separação de fases pela adição de excesso de água. As curvas de complexação (Absorbância X pHFU) de Mn (II) evidenciaram presença de várias espécies conforme a base empregada, NaOH ou trietanolamina (TEA). Para TTA 1,7 x 10M e ajustando o pHFU com NaOH: Mn (II) não extrai, precipitando parcialmente, mas extrai quantitativamente seja dobrando a concentração de TTA ou trocando a base por TEA; Cr-(III) extrai apenas 80%, mas elevando-se o pH da água de separação a 8,0, ou adicionando-se NaNO3 (1 ,2 x 10 - 1,2 x 10M) à água de separação, a extração é quantitativa. No caso de Cr(III) a extração ainda é quantitativa dobrando-se a concentração de TTA e substituindo-se NaOH por TEA. O emprego do efeito salino é utilizado pela primeira vez na técnica de FU, e apresenta-se para concentrações salinas ) NaNO3 da ordem de 10 vezes menores que as empregadas na extração convencional . TEA, empregada como base para ajuste de pHFU mostrou interferir notavelmente na eficiência e melhor faixa de acidez das extrações de Cr-(III), Cu(II) e Pb(II). A presença de Mn(II), de maneira ainda inexplicada reduz a percentagem de extração de Cr(III), Cu(II) e Pb(II).
Abstract: Liquid-liquid single-phase extraction in the system water-ethanol-methyl-isobuthyl-ketone (4:15:10 v/v respectively) with thenoyltrifluoroacetone (TTA) as the chelating agent were performed, using the addition of an excess of water for the phase separation. According to the base employed (NaOH or triethanolamine (TEA), the complexation curves (absorbance x pHFU) of Mn(II) sugested the presence of several species. Using 1,7 x 10 M TTA with the adjusted with NaOH, Mn(II) does not extract and part of it precipitates. However, it is quantitatively extracted by either doubling the TTA concentration, or changing the base to TEA. With the above condition, Cr(III) is extracted only to the entent af 80%. The extraction becomes quantitative by either increasing the pH of the separation water or by adding NaNO3, to the separation water. For Cr(III) the extraction is also made quantitative by either doubling the TTA concentration or by substituting NaOH by TEA. This is the first time the salting out effect his been used in single-phase extractions and is observed for concentrations 10 times lower than those used for conventional extractions. TEA, when employed as a base for pHFU adjustment, interacts positively both with respect to the efficiency extraction and in the useful pHFU range of the extraction of Cr(III), Cu(II) and of Pb(II). An unexpected interference of Mn(II) on the extraction percentage of Cr(III), Cu(II) and Pb(II) was also found.
Arquivo (Texto Completo): vtls000047530.pdf ( tamanho: 4,54MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ