Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autor: Sartoratto, Adilson
Título: Análise de Constituintes Voláteis de Plantas Aromáticas por Micro-Extração em Fase Sólida Acoplada a Cromatografia Gasosa (SPME / CG)
Ano: 2001
Orientador: Prof. Dr. Fábio Augusto
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Óleos essenciais, SPME, Compostos orgânicos voláteis biogênicos
Resumo: O presente trabalho teve como objetivos otimizar uma metodologia para análise de compostos voláteis produzidos por plantas aromáticas e medicinais utilizando Micro-extração em Fase Sólida (SPME, Solid Phase Microextraction), e aplicar essa metodologia otimizada a amostras reais. Os ensaios mostraram que os melhores resultados foram obtidos usando fibra de SPME recoberta com 100 mm de polidimetilsiloxano e os seguintes valores para as principais variáveis operacionais: temperatura da amostra = 55C, tempo de equilíbrio solução / headspace = 30 min, tempo de extração = 20 min e força iônica do meio correspondente a 36% de NaCl (m/v). Com os parâmetros definidos, o método foi aplicado na caracterização de compostos voláteis produzidos por Aloysia gratíssima (alfazema do Brasil), Cymbopogun martinii (palmarosa), Mentha piperita var. citrata (hortelã), Mentha spicata (hortelã vilhoça), Origanum vulgare (orégano), Origanum applii (orégano), Ocimum basilicum (alfavaca) e Ocimum gratissimum (alfacacão). A metodologia também foi aplicada para a quantificação dos constituintes majoritários de Cymbopogun martinii, e os resultados comparados com os resultantes da análise cromatográfica convencional do óleo essencial extraído da mesma amostra por hidrodestilação. Os resultados obtidos indicam que a metodologia pode ser usada para análises de rotina.
Abstract: The objectives of this work were the optimization of a methodology using Solid Phase Microextraction (SPME) for analysis of volatile compounds produced by aromatic plants, and the application of this methodology to real samples. The experiments showed that the best results were obtained using SPME fibers recovered with 100 mm polydimethylsiloxane and with the following operational parameters: sample temperature = 55C, sample / headspace equilibration time = 30 min, extraction time = 20 min and sample solution ionic strength at 36 % NaCl. The method was applied to characterize the chromatographic profiles for the volatile compounds produced by Aloysia gratissima (Brazil lavender), Cymbopogun martinii (palmarosa), Mentha piperita var. citrata (peppermint), Mentha spicata (spearmint), Origanum vulgare (oreganum), Origanum applii (oreganum), Ocimum basilicum (basil) and Ocimum gratissimum. The methodology was also employed for the quantification of the main volatile components of Cymbopogun martinii, and the results were compared to the conventional chromatographic analysis of the same sample. It is concluded that the developed SPME methodology may be used in routine analysis.
Arquivo (Texto Completo): vtls000239023.pdf ( tamanho: 2,53MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
2012-2014 BIQ