Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autor: Sousa, Rafael Arromba de
Título: Uso da Espectrometria de Emissão Óptica em Plasma de Argônio com Acoplamento Indutivo na Determinação de Nutrientes e Contaminantes Inorgânicos em Água de Coco Natural e Industrializada
Ano: 2003
Orientadora: Profa. Dra. Solange Cadore
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Metais, Água de coco, ICP OES
Resumo: O coco é um fruto bastante popular nas regiões tropicais de todo o mundo, por apresentar uma água saborosa, hidratante e com propriedades terapêuticas. Considerando a escassez de informações sobre a composição da água de coco brasileiro e visando estabelecer valores médios para a concentração de alguns metais, determinou-se Ca, Mg, Mn, Fe, Zn e Cu por Espectrometria de Emissão Óptica em Plasma de Argônio com Acoplamento Indutivo em amostras de água de coco natural (ACN) e industrializada (ACI). As amostras foram filtradas, diluídas a 20 % m/v em HNO3 2 % v/v, introduzidas diretamente no espectrômetro e analisadas em condições experimentais otimizadas (potência do plasma, vazão de nebulização, comprimentos de onda, configuração de tocha - radial/axial - e uso de padrão interno). As determinações apresentaram precisão e exatidão satisfatórias; nos experimentos de adição e recuperação de analitos, as recuperações ficaram entre 90 e 110 %, indicando um efeito de matriz praticamente desprezível. As concentrações dos analitos, em mg L e expressas em intervalos com 95 % de confiança, para as amostras de ACI e ACN foram, respectivamente: Ca (205 ± 27; 172 ± 65), Mg (108 ± 21; 69 ± 19), Mn (2,8 ± 0,9; 2,9 ± 1,9), Zn (0,28 ± 0,08; 0,11 ± 0,07), Fe (0,13 ± 0,05) e Cu (0,14 ± 0,05). Fe e Cu, em baixas concentrações, foram encontrados apenas nas amostras de ACI. Os métodos analíticos empregados permitiram determinar macro e microconstituintes minerais em ACI e ACN, sem a mineralização das amostras, tornando-os adequados para análises de rotina, como as de controle de qualidade.
Abstract: Coconut is a popular fruit in tropical regions over all the world, due to its tasteful water which has also medicinal properties. Considering the lack of information of Brazilian coconut water composition the objective of this work was to establish medium values for the concentration of Ca, Mg, Mn, Fe, Zn and Cu in natural (ACN) and bottled (ACI) coconut water using Inductively Coupled Plasma Optical Emission Spectrometry. The samples were filtered, diluted to 20 % w/v in 2% v/v HNO3, directly introduced into the spectrometer and analyzed under optimized conditions (plasma power, nebulizer flow rate, wave length, torch configuration - radial/axial - and internal standard solution). The determinations showed good precision and accuracy with recoveries between 90 and 110 %, indicating a negligible matrix effect in the experiments using analyte addition. The medium concentrations (mg L, expressed with 95 % of confidence level for ACI and ACN samples were, respectively: Ca (205 ± 27; 172 ± 65), Mg (108 ± 21; 69 ± 19), Mn (2,8 ± 0,9; 2,9 ± 1,9), Zn (0,28 ± 0,08; 0,11 ± 0,07), Fe (0,13 ± 0,05) and Cu (0,14 ± 0,05). Fe and Cu were found only in ACI samples. With the proposed methods it was possible to determine macro and microconstituents in natural and bottled coconut water without sample pretreatment.
Arquivo (Texto Completo): vtls000305294.pdf ( tamanho: 1,02 MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ