Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autora: Ogaya, Cristiane Lika
Título: Fases Estacionárias de Poli (Metiloctilsiloxano) Sorvido e Imobilizado por Tratamento Térmico sobre Sílicas de Diferentes Purezas e com Diferentes Pré-Tratamentos
Ano: 2004
Orientadora: Profa. Dra. Carol Hollingworth Collins
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Cromatografia líquida, Impurezas, HPLC, Ácido
Resumo: Neste trabalho foram feitos estudos de otimização das condições de preparo de fases estacionárias para uso em Cromatografia Líquida de Alta Eficiência em fase reversa (CLAE-FR) de poli(metiloctilsiloxano) (PMOS), tipo C-8, sorvido e imobilizado por tratamento térmico (em atmosfera inerte) na superfície das sílicas Kromasil e Rainin (esféricas, 5 mm) sem pré-tratamentos ou pré-tratadas de diferentes maneiras: 1) tratadas com água em refluxo a 100°C por 24 h, 2) tratadas em refluxo com HNO3, NH4OH, H2SO4, H3PO4, HCI, EDTA, 1-metil-piperidina, NaOH ou KOH em diferentes concentrações e tempos de reação ou 3) aquecidas entre 300 e 350 °, seguido de tratamento com HNO3, em refluxo. As fases estacionárias foram avaliadas por testes químicos, físicos, cromatográficos e de estabilidade em fases móveis em condições neutras ou agressivas. As melhores condições de preparo das fases estacionárias foram: quantidade suficiente de PMOS para encher os poros das sílicas mais um excesso de 10%, 120 ou 140°C por 8 h e 6 dias de iepouso. Porém, as fases estacionárias preparadas com a sílica Rainin obtiveram fortes caudas para o pico do composto básico N,N-dimetilanilina, atribuído à maior quantidade de impurezas metálicas e grupos silanóis isolados mais ácidos, presentes na superfície dessa sílica. Por isso, os pré-tratamentos da sílica Rainin foram essenciais para reduzir a cauda no pico da N, N-dimetilanilina até valores aceitáveis mas, devido ao grande número de silanóis residuais ainda presentes nessas fases estacionárias, os parâmetros cromatográficos não foram repetitíveis entre as corridas cromatográficas. O estudo da estabilidade das fases estacionárias mostrou que elas são estáveis à passagem de grande volume de fase móvel neutra e que as fases estacionárias preparadas com a sílica Rainin, mais impura e com a superfície mais ácida, são mais estáveis que as fases preparadas com a sílica Kromasil.
Abstract: In this work the optimization of the conditions for preparation of stationary phases for use in reversed phase Hígh Performance Liquid Chromatography (RP-HPLC) were made using poli(methyloctylsiloxane) (PMOS), a C-8 type, sorbed and immobilized by thermal treatment (an inert atmosphere) onto the surface of the silicas Kromasil and Rainin (spherical, 5 mm) used without pre-treatments or pre-treated in different ways: 1) with water at 100 °C, for 24 h, 2) refluxing with HNO3, NH4OH, H2SO4, H3PO4, HCI, EDTA, 1-metil-piperidina, NaOH or KOH in different concentrations and times of treatment or 3) heating between 300 and 350°C, an inert atmosphere, followed by treatment with refluxing HNO3. The stationary phases were evaluated by chemical, physical, chromatographic and stability tests, using neutral or aggressive mobile phases. The results showed that the best preparation conditions for the stationary phases were: enough PMOS to fill the pores of the silicas plus an excess of 10 %, with thermal treatment of 120 or 140 °C for 8 h. However, the stationary phases prepared with Rainin silica had significant tailing for the basic compound N,N-dimethylaniline, attributed the larger amount of metallic impurities in this silica and more acid isolated silanol groups on the surface of this silica. Therefore, the pre-treatments of the Rainin silica were essential to reduce the tailing of N,N-dímetilanilina to acceptable values. Due to the large number of residual silanols in these stationary phases, the chromatographic parameters did not show repetitivity between the chromatographic runs. The tests of stability of the stationary phases showed that they are stable to the passage large volumes of neutral mobile phase and that the stationary phases prepared with Rainin silica, more impure and with the more acid surface, were more stable than the stationary phases prepared with Kromasil silica.
Arquivo (Texto Completo): vtls000366332.pdf ( tamanho: 14,5MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ