Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autora: Ganzella, Valéria
Título: Estudos Visando a Síntese da Vidalenolona a partir de um Aduto de Morita-Baylis-Hillman
Ano: 2006
Orientador: Prof. Dr. Fernando Antonio Santos Coelho
Departamento: Química Orgânica
Palavras-chave: Vidalenolona, Morita-Baylis-Hillman, Epoxidação assimétrica de Sharpless
Resumo: Entre os metabólitos, recentemente isolados de algas vermelhas tropicais, da espécie Vidalia sp, podemos destacar a Vidalenolona, uma 1,2-dicetona que apresenta em sua estrutura um centro quaternário. No extrato bruto, do qual se isolou a Vidalenolona outros dois fenóis já conhecidos, também foram encontrados. As três substâncias, juntas, apresentaram atividade inibitória sobre interações protéicas SH2, relacionadas ao desenvolvimento de alguns tipos de tumores malignos. Apesar de apresentar um carbono estereogênico, a estereoquímica absoluta da Vidalenolona não foi determinada pelos pesquisadores que a isolaram. Esse trabalho teve como objetivo propor uma estratégia sintética assimétrica visando preparar os dois possíveis enantiômeros da Vidalenolona e confirmar a estereoquímica do produto natural explorando a potencialidade sintética de adutos de Morita-Bayllis-Hillman, como matéria-prima simples, de fácil obtenção, baixo custo e elevada versatilidade. Os resultados alcançados, que levaram à síntese de um intermediário avançado, que pode ser utilizado tanto na síntese racêmica quanto assimétrica da Vidalenolona, estão resumidos no Esquema 1: A reação de Morita Baylis-Hillman entre a 2-ciclopentenona (29) e o 4- oxipivaloil-benzaldeído (34) forneceu um aduto (33) no qual todo o esqueleto de carbono do produto natural já estava incorporado. Reação de acetilação da hidroxila secundária do aduto, seguido de uma migração de dupla ligação e uma redução da carbonila mediada pelo uso de NaBH4, levou à formação de um álcool alílico (43), que foi utilizado como substrato para uma reação de epoxidação na presença de ácido m-cloroperbenzóico (AMCPB). O epóxido racêmico usado como modelo, foi clivado regioseletivamente na presença de hidrogênio para fornecer o diol 45, intermediário avançado na estratégia de síntese proposta. Esse último deverá ser utilizado para finalizar a primeira síntese racêmica da Vidalenolona. A mesma via sintética poderá ser utilizada na síntese assimétrica desse produto natural, bastando para isso realizar a etapa de epoxidação utilizando a metodologia de epoxidação assimétrica de Sharpless. O intermediário avançado 45 foi preparado em 5 etapas com um rendimento global de 15%, a partir de ciclopentenona comercial.
Abstract: Among the secondary metabolites, recently isolated from tropical red algas from Vidalia spp, we cite Vidalenolone (12), a 1,2-diketone which bears a oxygenated quaternary center in its structure. Besides Vidalenolone, two other phenolic derivatives has also been isolated from the crude extract. The three substances together have shown a inhibitory activity against SH2 proteic interactions, which are attached to the development of certain malign tumors. Despite of the presence of chiral quaternary center in the structure of Vidalenolone, the absolute stereochemistry of this stereogenic center was not determined by the authors who isolated this marine natural product.This work had as proposal the development of an asymmetric synthetic strategy in order to prepare the both enantiomers of the natural products, confirming its absolute stereochemistry and exploring the synthetic versatility of the Morita Baylis-Hillman adducts. These adducts are simples, easily available, cheap and show a great versatility. The results achieved in this synthetic study, which led to the synthesis of an advanced intermediate for the racemic and asymmetric total syntheses of Vidalenolone, are depicted in scheme below. A Morita-Baylis-Hillman reaction between cyclopenten-2-one (29) and 4- oxypivaloyl-benzaldehyde (34) gave the adduct 33, in 88% yield. All the carbon skeleton of Vidalenolone are already incorporated in the structure of 33. An acetylation reaction of 33, followed by the treatment of the acetylated iintermediate with NaBH4 in methanol led to the double bond migration accompanied by the carbonyl reduction to furnish the allylic alcohol 43, in 52% for the two steps. The later was the substrate for an epoxidation using m-chlorperbenzoic acid (MCPBA) as oxidizing agent, which furnish the epoxide 44 in 59% yield. The racemic epoxide was regioselectivity opened in the presence of hydrogen and Pd/C to afford the diol 45, which is an advanced intermediate for the racemic total synthesis of the marine natural product. The diol 45 will be used to finish the first racemic total synthesis of Vidalenolone. The same synthetic strategy will be used for the asymmetric synthesis of this natural product, however in the epoxidation step the MCPBA will be replaced by a Sharpless asymmetric epoxidation. The advanced intermediate 45 was prepared in 5 steps with an overall yield of 15%, from commercial cyclopenten- 2-one.
Arquivo (Texto Completo): vtls000417764.pdf (Tamanho: 1,40 MB)

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ