Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autora: Raimundo, Cassiana Carolina Montagner
Título: Ocorrência de Interferentes Endócrinos e Produtos Farmacêuticos nas Águas Superficiais da Bacia do Rio Atibaia
Ano: 2007
Orientador: Prof. Dr. Wilson de Figueiredo Jardim
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Interferentes endócrinos, Produtos farmacêuticos, Rio Atibaia, Águas superficiais
Resumo: Alguns compostos orgânicos denominados interferentes endócrinos estão sendo encontrados em águas superficiais e vêm chamando a atenção da comunidade científica. Nessa classe de compostos, destacam-se os hormônios (17b-estradiol, 17a-etinilestradiol, estrona, progesterona, levonorgestrel), os plastificantes (dietilftalato e dibutilfatalato), os surfactantes (4-nonilfenol e 4-octilfenol) e o bisfenol A. Além disso, alguns produtos farmacêuticos, tais como paracetamol, ácido acetil salicílico, diclofenaco e ibuprofeno, também têm sido encontrados em diversos compartimentos ambientais. Considerando o estado de degradação das águas superficiais do Estado de São Paulo, em especial os rios da bacia do Atibaia responsável pelo abastecimento público da RMC, essa dissertação apresenta uma avaliação da ocorrência dos 14 compostos citados acima, alem da cafeína que foi usada como traçador de atividade antrópica, nos corpos d'água dessa região. A determinação foi baseada em métodos já estabelecidos, os quais foram convalidados e, envolveram as etapas de extração e concentração de 1 L de amostra usando SPE e análise por HPLC empregando os detectores de DAD e fluorescência. Foram realizadas quatro campanhas amostrais no período entre fevereiro de 2006 e janeiro de 2007 sendo duas no período de alta pluviosidade e duas no período de estiagem. Dos 15 compostos determinados 12 foram encontrados em pelo menos uma amostra. As concentrações variaram entre os compostos e nas diferentes épocas do ano, sendo a maior, encontrada no ribeirão Anhumas na 2° campanha amostral (127 mg L para a cafeína). Os compostos determinados com maior freqüência foram a cafeína, dibutilftalato, bisfenol A e 17b-estradiol, e as maiores concentrações foram determinadas em regiões com elevada densidade populacional e durante os períodos de estiagem. O ibuprofeno, dietilftalato e estrona, não foram encontrados nessas matrizes considerando os limites de detecção de 51, 33 e 16 ng L, para os três compostos respectivamente.
Abstract: Numerous organic compounds called endocrine disruptors have been found at low levels in surface waters. Several compounds such as hormones (17b-estradiol, 17a-ethinylestradiol, estrone, progesterone and levonorgestrel), phthalates (diethylphthalate and dibutylphthalate), surfactants (4-octylphenol and 4-nonylphenol), bisphenol A, among others are included in this class. Some pharmaceutical products, such as paracetamol, acetyl salicylic acid, diclofenaco and ibuprofen have also been detected in surface waters. Due to the degradation of the surface water quality in the State of São Paulo. especially the Atibaia river which is used for public supply to the Campinas Metropolitan Region, this work presents an updated evaluation of the occurrence of 14 compounds mentioned above, as well as caffeine, used as a chemical tracer of human activity. The determination of these compounds was accomplished using established methods, including solid phase extraction (SPE) of 1 L of sample, followed by High Performance Liquid Chromagraphy (HPLC) equipped with DAD and fluorescence detector. In order to evaluate spatial and temporal variations, four sampling campaigns were carried out from February/2006 - January/2007, involving two dry and two wet seasons sampling series. From the 15 targeted compounds, 12 of them were found at least in one of the samples analyzed. Highest concentrations were found in Anhumas river in second sampling campaign (127 mg L of caffeine). Compounds more frequently found were caffeine, dibutylphthalate, bisphenol A and 17b-estradiol. Highest concentrations were associated to populational density and in the dry season. Ibuprofen, diethylphthalate and estrone not found considering the limit of detection of 51, 33 e 16 ng L, respectively.
Arquivo (Texto Completo): vtls000419516.pdf ( tamanho: 1,33MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
2012-2014 BIQ