Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
 
Autor: Pereira, Leandro Alves
Título: Desenvolvimento de um Método de Extração em Fase Sólida Molecularmente Impressa (MISPE) para a Determinação de Fenitrotiona em Tomate
Ano: 2008
Orientadora: Profa. Dra. Susanne Rath
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Polímeros de impressão molecular, SPE, Fenitrotiona, Tomate
Resumo: Resíduos de agrotóxicos presentes em alimentos podem exceder os limites máximos de resíduos, quando as boas práticas agrícolas não são respeitadas. Conseqüentemente, a determinação dos resíduos de agrotóxicos é extremamente importante para avaliar o uso apropriado dessas substâncias e os riscos à saúde humana decorrentes da sua presença nos alimentos. A determinação de resíduos de agrotóxicos em alimentos requer etapas de preparo de amostras que consistem, geralmente de etapas de extração, remoção de interferentes e concentração do analito anterior análise cromatográfica. Para tanto, tem sido largamente empregada a extração em fase sólida. O objetivo do presente trabalho foi a síntese e caracterização de polímeros de impressão molecular (MIP) para uso em cartuchos de extração em fase sólida, visando a determinação de fenitrotiona (FNT) em tomates. O polímero foi sintetizado a partir do ácido metacrílico (monômero funcional), etileno glicoldimetilacrilato (reagente de ligação cruzada), 2'2azo-bis-iso-butironitrila (iniciador radicalar) em diclorometano (solvente porogênico), usando a FNT como molécula molde. Também foi sintetizado um polímero de controle (NIP). O MIP foi caracterizado por técnicas de infravermelho de transformada de Fourier, ressonância magnética nuclear do estado sólido, microscopia de varredura eletrônica e porosimetria de sorção de nitrogênio. O modelo de Langmuir-Freundlich foi o que apresentou o melhor ajuste para descrever a adsorção da FNT no polímero. O MIP foi empregado em cartuchos de extração em fase sólida e as etapas de condicionamento, carregamento, lavagem e eluição otimizadas. A extração em fase sólida molecularmente impressa foi aplicada na determinação de FNT em amostras de tomates, usando a cromatografia líquida de alta eficiência associada a um detetor de arranjo de diodos. A eficiência de extração, para amostras branco de tomates fortificadas com 5mg g de FNT, foi de 65 %. Nenhum interferente foi observado nos cromatogramas no tempo de retenção da FNT, indicando a seletividade do polímero.
Abstract: Pesticide residues present in food can exceed maximum residue level when good agricultural practices are not followed. Consequently, the determination of pesticide residues is extremely important to evaluate the appropriate use of theses substances and risks to human health due to their presence in food. The determination of pesticide residues in food requires sample preparation steps that consist mainly of extraction, clean-up, and concentration of the analyte prior to chromatographic quantitation.. For this purpose, solid-phase extraction has been widely employed. The aims of this work were the synthesis and characterization of a molecularly imprinted polymer (MIP) to be employed as a sorbent in solid phase extraction cartridges for the determination of fenitrothiom (FNT) in tomatoes. The polymer was synthesized using FNT as the template molecule, methacrylic acid as the functional monomer, ethylene glycol dimethacrylate as the cross-linking monomer, and 2,2-azobis-isobutyronitrile as the initiator. Dichloromethane was used as the porogenic solvent. Also, a non-imprinted polymer was synthesized. The MIP was characterized using the following techniques: FT-IR, NMR, electronic microscopy and BET. The adsorption of FNT on the polymer was fitted to the Langmuir-Freundlich model. The polymer was used in the solid-phase extraction cartridges and the conditioning, sample loading, clean-up and elution steps were optimized. The molecularly imprinted solid phase extraction was used for the determination of FNT in tomatoes, using high performance liquid chromatography with a diode array detector. For extraction efficiency, for a fortified blank tomato sample (5 mg g FNT), was 65 %. No interferences were observed in the chromatograms at the retention time of FNT, indicating the selectivity of the polymer.
Arquivo (Texto Completo): vtls000438489.pdf ( tamanho: 1,12MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
2012-2014 BIQ