Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
TESE DE DOUTORADO
 
Autora: Matoso, Erika
Título: Determinação de Contaminantes Inorgânicos em Látex Utilizando Espectrometria Atômica
Ano: 2009
Orientadora: Profa. Dra. Solange Cadore
Departamento: Química Analítica
Palavras-chave: Látex, Tratamento de amostra, PVAc, Espectrometria atômica
Resumo: Os polímeros são um grupo importante de materiais de engenharia pela sua facilidade de produção e uma larga faixa de propriedades e aplicações. O acetato de polivinila (PVAc) é produzido pela polimerização do acetato de vinila em presença de um catalisador. Suas principais aplicações estão na indústria de tintas, vernizes e adesivos. Neste trabalho foi desenvolvido um método de digestão de amostras de acetato de polivinila (látex base PVAc) em emulsão aquosa para determinação de As, B, Ba, Bi, Cd, Cr, Cu, Fe, Hg, Ni, Pb, Sb, Se e Sn, utilizando a técnica de espectrometria de emissão ótica em plasma de argônio indutivamente acoplado (ICP OES). Foram testados diferentes procedimentos de digestão da amostra (calcinação, digestão ácida à baixa e à alta temperatura e digestão assistida por microondas em frasco fechado) com a finalidade de se obter o método mais exato, mais preciso, com maior sensibilidade e com um menor tempo. Os melhores resultados para a determinação dos elementos estudados em acetato de polivinila foram obtidos utilizando-se a digestão assistida por microondas em frasco fechado. Nas condições otimizadas, a solução após digestão apresentou 0,1% de CCR (conteúdo de carbono residual), as recuperações obtidas ficaram na faixa de 98 a 105% para o produto de base (PVAc), com desvio padrão relativo (RSD) na faixa de 1,0 a 5,1% e limites de quantificação entre 0,003 e 0,294 mg kg. A exatidão do método proposto foi avaliada, também, pela análise de material de referência certificado, com resultados considerados satisfatórios para a maioria dos elementos. A aplicação do método desenvolvido em amostras de cola com base PVAc mostrou valores abaixo do limite de quantificação (LOQ) para a maioria dos elementos analisados, com exceção de Fe, Cu, Cr e Ni. No entanto, para estes elementos, os valores encontrados estão abaixo daqueles recomendados pelas agências reguladoras. A determinação de Cu por GF AAS em amostras de PVAc, sem a etapa prévia de preparação de amostra, mostrou resultados satisfatórios de recuperação e uma maior sensibilidade, com limite de quantificação de 0,001 mg kg.
Abstract: Polymers are an important group of engineering materials because they are easily produced and have many applications. Polyvinyl acetate is produced by polymerization of vinyl acetate in presence of a catalyst and finds numerous applications in the manufacture of emulsion paints, varnishes and adhesives. A digestion method for the determination of de As, B, Ba, Bi, Cd, Cr, Cu, Fe, Hg, Ni, Pb, Sb, Se e Sn by Inductively Coupled Argon Plasma Optical Emission Spectrometry (ICP OES) in samples of polyvinyl acetate water emulsions was developed. The sample was treated by different procedures in order to determine the best treatment. In this way, calcination, acid digestions at low and high temperature and digestion by microwave radiation were studied. The best results for the determination of elements in polyvinyl acetate were achieved using microwave digestion. Under optimum conditions, only 0.1% of total organic carbon (TOC) was found as residue and recoveries between 98 and 105% for base product (PVAc) with RSD between 1.0 and 5.1% and quantification limits between 0.003 and 0.294 mg kg were obtained. The accuracy was also evaluated analyzing certified reference materials with satisfactory results. The application of the developed method in PVAc glue samples showed lower results than quantification limits for most elements, except Fe, Cu, Cr and Ni. But the found values are lower than those recommended by regulation agencies. Cupper determination by GF AAS in PVAc samples without treatment showed good results for recoveries and better sensibility (quantification limit: 0,001 mg kg).
Arquivo (Texto Completo): 000446162.pdf ( tamanho: 924KB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ