Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
TESE DE DOUTORADO
 
Autor: Ullah, Hameed
Título: Estudo calorimétrico da influência de xenobióticos na atividade microbiana de alguns solos cultivados por algodão
Ano: 2012
Orientador: Prof. Dr. José de Alencar Simoni
Departamento: Físico-Química
Palavras-chave: Solo, Xenobióticos, Calorimetria, Algodão
Resumo: O presente estudo investiga a influência da adição de alguns xenobióticos comuns em práticas agrícolas, na atividade microbiana de três solos de diferentes regiões, utilizando a calorimetria isotérmica. Amostras de Latosolo vermelho do Brasil: Unik (Unicamp-Campinas) de mata original, Lebra (Leme-SP) cultivada por algodão, e Pak (Faisalabad, Paquistão) cultivada por algodão. Esses solos foram caracterizados por análise elementar de CHN, pH e acidez total, análise microbiológica e análises térmicas (TGA e DSC). A atividade microbiana foi acompanhada por calorimetria isotérmica, com o objetivo de se investigar a influência de fatores como: tempo de armazenamento, estação de coleta, adição de herbicidas do grupo das sulfoniluréias; clorimuron e metsulfurom, e arsênio. Utilizou-se a glicose como substrato principal, como fonte de carbono, nesse estudo. Os principais resultados evidenciam que o uso dos herbicidas conjuntamente com glicose aumentou a liberação de energia e, portanto, de CO2, quando comparado à adição simples de glicose. A emissão de CO2 (catabolismo) também foi maior para os solos com cultivo intensivo de monocultura de algodão, sendo que a ordem de emissão foi Pak>Lebra>Unik1. Por outro lado a adição de As provoca uma diminuição do catabolismo e, portanto, diminuindo a emissão de CO2.
Abstract: The present study investigates the influence of the addition of some xenobiotics, commonly used in agricultural practices, on the microbial activity of soils from three different regions, by using isothermal calorimetry. Samples of red Latosol from Brazil: Unik (Unicamp-Campinas) of the original forest, Lebra (Leme, São Paulo) cultivated with cotton, and Pak (Faisalabad, Pakistan) cultivated with cotton. These soils were characterized by CHN elemental analysis, pH, total acidity, microbiological analysis and thermal analysis (TGA and DSC). Microbial activity was monitored by isothermal calorimetry, in order to investigate the influence of factors such as time of storage, collection station, the addition of the sulfonylurea herbicides, chlorimuron and metsulfuron, and arsenic ion. Glucose was used as main substrate as carbon source in this study. The main results show that the use of the herbicides together with glucose increased the release of energy, so CO2, compared to the simple addition of glucose. The CO2 emissions (catabolism) was also higher for soils with intensive cultivation of cotton monoculture, and the order was Pak > Lebra > Unik1. Moreover the addition of As causes a decrease in catabolism and thus decreasing the CO2 production to the environment.
Arquivo (Texto Completo): 000856316.pdf ( tamanho: 3,70MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ