Comissão
Estatuto
Histórico
Localização
Contato
BIQ
BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE QUÍMICA
UNICAMP

 
TESE DE DOUTORADO
 
Autor: Oliveira, Vaeudo Valdimiro de
Título: Sílicas Mesoporosas e Silicatos Lamelares Contendo Agentes Organofuncionalizados: Sorção e Liberação Controlada de Fármacos
Ano: 2012
Orientador: Prof. Dr. Claudio Airoldi
Departamento: Química Inorgânica
Palavras-chave: Sílica mesoporosa, SBA-16, Fármacos, Silicato kanemita
Resumo: Na presente investigação foram sintetizados os híbridos inorgânico-orgânicos micro/mesoestruturados: a) silicato lamelar do tipo kanemita sódica, b) sua forma quimicamente modificada com cobre e c) sílica mesoporosa SBA-16. A combinação dos reagentes Na2SiO3/NaOH/etanol e Na2SiO3/NaOH/Cu(NO3)2/etanol propiciaram a obtenção de kanemita sódica e sua forma contendo o cobre incorporado na estrutura inorgânica, através da substituição isomórfica do silício nas razões molares Si/Cu = 50, 100 e 200. Para as sílicas mesoporosas foram usados sistemas formados por copolímeros F127/TEOS/H2O, F127/TEOS/etanol/H2O e F127/TEOS/butanol/H2O em meio ácido. Os materiais organofuncionalizados previamente intercalado com dimetilsulfóxido (DMSO) e etilenodiamina (EN) formam os sólidos lamelares Na-KN-DMSO, Na-KN-EN e Cu-KN-EN, através do processo de pós-síntese com o agente sililante 3-iodopropiltrimetoxissilano, que reagiu subsequentemente com dietil iminodiacetato e benzidina, formando os híbridos mesoporosos. Os híbridos lamelares foram aplicados na sorção de metais e corantes em soluções aquosas. Dentre os cátions bário, cobalto e cobre, o cobre foi mais facilmente sorvido em Na-KN-EN quando comparado com Na-KN-DMSO. No caso dos corantes verde brilhante e azul reativo 15, o primeiro foi também mais eficiente na sorção. No processo de liberação de fármacos amoxicilina e omeprazol foram utilizados os híbridos mesoporosos. Os dados de liberação mostram que o primeiro fármaco apresentou uma cinética de liberação satisfatória no fluido intestinal simulado (FIS), enquanto que o omeprazol liberou em maior quantidade no fluido gástrico simulado (FGS).
Abstract: The present investigation deals with the syntheses of inorganic-organic nano/mesostrutered hybrids: a) sodic lamellar silicate kanemite, b) its chemically modified form with copper and c) SBA-16 mesoporous silicas. The reagents combination Na2SiO3/NaOH/ethanol and Na2SiO3/NaOH/Cu(NO3)2/ethanol enabled to obtain sodic kanemite and its synthesized form containing incorporated copper in the inorganic structure, through the isomorphic substitution of silicon using the molar ratio Si/Cu = 50, 100 and 200. For mesoporous silicas the copolymers F127/TEOS/H2O, F127/TEOS/ethanol/H2O and F127/TEOS/butanol/H2O in acidic condition were used. The synthesized organofunctionalized materials were previously intercalated with dimethylsulfoxide (DMSO) and ethylenediamine (EN) in the Na-KN-DMSO, Na-KN-EN and Cu-KN-EM lamellar solids, through the post-synthesis process with the silylating agent 3-iodopropyltrimethoxysilane, which subsequently reacted with diethyl iminodiacetate and benzidine. The lamellar hybrids were applied for cation and dye sorption processes. Among barium, cobalt and copper, the last cation was more favorable sorbed in Na-KN-EN, when compared with Na-KN-DMSO. In case of brilliant green and reactive blue 15 dyes, the first one was also more efficient in sorption. The controlled drug delivery process, amoxicillin and omeprazole were applied with mesoporous hybrid systems. The delivery data demonstrated that the first drug presented a satisfactory kinetic in the simulated intestinal fluid (SIF), while omeprazole presented high amount in the simulated gastric fluid (SGF).
Arquivo (Texto Completo): 000880181.pdf ( tamanho: 3,93MB )

Instituto de Química / Caixa Postal n° 6154
Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP
13083 - 970, Campinas, SP, Brasil
e-mail: biq@iqm.unicamp.br
© 2012-2014 BIQ